sexta-feira, 17 de abril de 2009

Chuvas deixam ruas de Natal alagadas


Um rápido passeio pelas principais ruas da capital e já percebe-se que se deu início ao período chuvoso na cidade, o que já tornou sinônimo de preocupação com os fortes alagamentos. A perspectiva, de acordo com o meteorologista da Emparn, Gilmar Bistrot, é que a forte chuva que caiu ontem no início da noite, na capital, estenda-se durante todo o mês de abril em todo o Estado. “Já choveu em Natal mais de 700 milímetros, quase a metade do que era esperado para todo o mês”, disse.

Segundo Bistrot, as condições climáticas atuais remetem a um período de muita chuva, o que, na sua avaliação, deverá ser similar ao ocorrido no ano passado. “Há uma grande possibilidade de chuvas intensas durante a noite e principalmente na madrugada (ontem)”, atestou.

A reportagem da TRIBUNA DO NORTE percorreu as ruas do bairro Petrópolis ontem, entre 19 e 21h30, e pôde constatar alagamentos consideráveis nos principais cruzamentos que permeiam a área. Moradora da rua Mossoró, a estudante Micaela Macena afirmou que é praxe em períodos chuvosos os habitantes da região usarem da criatividade para transitar na área, vez que as ruas e canteiros ficam totalmente alagados. “É um sofrimento quando chove. Entra água nas casas e nós temos que nos virar para que da próxima vez não aconteça problemas maiores. Acabamos criando subterfúgios para podermos sair de casa e também para não molhe nossos pertences”, assinalou.

Entre as ruas Afonso Pena e Mossoró duas crianças, moradores da região, brincavam perigosamente nas águas ácidas da chuva. Eles disseram estar apanhando as placas que caíam dos carros. “Cobramos dez reais por placa. Quando o dono volta percebe que caiu, nós entregamos e muitos nos dão o dinheiro”, observou Bruno Cristian, de 11 anos, ao lado do amigo Jordan Araújo, de 13.

De acordo com Gilmar Bistrot, o inverno acentuado deste ano deve-se a uma convergência intertropical e ao sistema de brisa (no caso das chuvas durante a madrugada).

Ele explica que a previsão durante todo o dia de hoje é de céu variando de nublado a parcialmente nublado. “O litoral tem apresentado condições propícias para fortes chuvas”, explicou.

Em relação aos municípios do interior do Estado, não houve, até o fechamento desta edição, chuvas consideradas de grande porte.
FONTE - www.tribunadonorte.com.br
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Redes Sociais

A melhor programação

Seguidores do Google

Arquivo