quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Artilheiro faz a diferença em casa


Demorou, mas chegou. Com apenas dois pontos conquistados no Machadão, o América conseguiu quebrar o jejum de vitórias em casa, na série B do Brasileiro, ao vencer, na noite desta terça-feira, o ASA/AL, por 1x0. O herói do jogo foi o recém-contratado Cristiano Alagoano, que chegou ao clube na última sexta-feira e tinha participado apenas de um treino com os companheiros de time. O atacante, em seu primeiro jogo com a camisa americana, mostrou toda sua fama de artilheiro, deixando o técnico Lula Pereira contente com seu rendimento. Com o resultado, o Alvirrubro chegou aos 16 pontos, mas, continua na zona de rebaixamento. O próximo compromisso do América na competição será sábado, contra o Brasiliense, no estádio Serejão.

ASA começou melhor e, adotando uma postura extremamente ofensiva, justificava sua melhor posição na tabela. No entanto, o domínio durou pouco e o empate sem gols não condiz ao futebol apresentado pelo América-RN no primeiro tempo. O primeiro bom lance aconteceu aos sete minutos, quando o estreante Cristiano Alagoano, contratado junto ao Confiança-SE, não conseguiu aproveitar cruzamento da direita. Enquanto os alagoanos assustavam em chutes esporádicos de Audálio, o América continuava criando ótimas chances para marcar. Aos 17 minutos, o zagueiro Cleber ganhou no alto e acertou o travessão de Paulo Musse.

O time da casa voltou com menos inspiração no segundo tempo. Para mudar essa situação, Lula Pereira queimou suas duas últimas alterações antes da metade da etapa final, com as entradas do volante Saulo e do atacante Chimba nas vagas do lateral direito Thoni e do avante Reinaldo. As mudanças surtiram efeito e a equipe abriu o placar aos 23 minutos, com Cristiano Alagoano. Ele aproveitou que a zaga adversária saiu atrasada para a linha de impedimento, recebeu livre, deu lindo drible em Paulo Musse e empurrou para o gol vazio.

Mais presente no campo de ataque, os alagoanos deixaram os torcedores alvirrubros apreensivos, mas não conseguiram criar nenhum grande momento para evitar a primeira vitória do América no estádio Machadão.

Vila Nova persegue o América

O Vila Nova obteve na noite desta terça-feira sua segunda vitória consecutiva no Campeonato Brasileiro da Série B. Atuando dentro de casa, a equipe goiana derrotou o Náutico pelo placar de 2 a 1. O resultado positivo desta noite deixou o Vila com 14 pontos na competição.

Em contrapartida, o Náutico perdeu a oportunidade de se aproximar do G-4 da competição. Com o revés fora de casa, o Timbu permanece com 28 pontos, três atrás da zona de classificação para a Série A do Brasileirão.

Embalado por três jogos de invencibilidade, o Vila Nova volta a campo na próxima sexta-feira, às 21 horas (de Brasília), para encarar o São Caetano, no estádio Anacleto Campanella. Por outro lado, o Náutico buscará a reabilitação diante do Santo André, na mesma data e horário do algoz desta terça-feira.

Retraído e esperando o Náutico, o Vila Nova ameaçou apenas aos 31 minutos. Roni recebeu na intermediária e tocou para Bruno Lopes, que devolveu para o excelente atacante balançar as redes do estádio Serra Dourada.

O melhor ritmo de jogo do Náutico e a qualidade do meio-campo pernambucano deram a resposta aos rivais aos dois minutos. Francismar chutou de longe e marcou um golaço. O Vila Nova voltou a dominar o confronto e chegou à vitória aos 30 minutos. O zagueiro Cris tocou contra as próprias redes.

América
Rodolpho; Cléber, Robson (Edson Rocha) e Adalberto; Thoni (Saulo), Fábio Neves, Carlos Alberto, Esley e Berg; Cristiano Alagoano e Reinaldo (Chimba).
Técnico: Lula Pereira

ASA
Paulo Musse; Edson, Ewerton e Cal; Maisena, Audálio, Jota (Nena), Cleiton (Rodriguinho) e Magal; Anderson (Silvestre) e Júnior Viçosa
Técnico: Vica

Estádio: Machadão, em Natal (RN)
Árbitro: Fernando José de Castro Rodrigues (PA)
Gol: Cristiano Alagoano, aos 23´ do 2º T.
FONTE-TN
Compartilhar:
← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Redes Sociais

A melhor programação

Seguidores do Google

Arquivo